Animais incriveis: Titanus giganteus "O Rei dos Besouros"


Um dos maiores insetos, e provavelmente o maior besouro do mundo, é o Titanus giganteus. Ele mede de 15 cm a 16 cm, mas pode alcançar, segundo alguns especialistas, até 20 cm de comprimento. Esse besouro vive nas florestas da Amazônia e é uma espécie r elativamente rara. Embora os estudiosos conheçam pouco sobre seus hábitos, sabe-se que as larvas se criam no interior de grandes troncos caídos, alimentando-se da madeira em decomposição. Elas levam vários meses para se transformar em adultos. Estes, po r sua vez, têm uma vida muito curta, cerca de dois meses, praticamente não se alimentam, voam na época do acasalamento e morrem logo após a reprodução. Vez ou outra, os insetos podem ser atraídos, à noite, por feixes de luz intensa. O Titanus giganteu s pertence aos Cerambycidae, família que reúne besouros designados popularmente como serra-paus. Mas também há outras espécies muito grandes de serra-paus. Uma delas é a Macrodontia cervicornis, espécie endêmica da América do Sul, que alcança 16 cm de comprimento quando se mede a partir da ponta das enormes mandíbulas dos machos. Algumas espécies de outra família, Scarabaeidae, também são muito grandes. Uma delas é a Dynastes hercules, que habita as Américas Central e do Sul na região tropical. Esses insetos têm dois cornos longos, um na cabeça e outro no dorso, que formam uma espécie de pinça. Eles também atingem 16 cm de comprimento e pesam até 37,5 g.

________________________________________________________
Disponível no site da Revista Galileu: http:/www.galileu.globo.com

0 comentários: